Quem somos

Nós somos eu, Amauri Alves da Silva =]

Pode ser que isso mude no futuro, sei lá… Mas por enquanto é isso aí: só eu toco essa bagaça.

Sou tradutor técnico, redator técnico, além de tocar bateria, cozinhar de vez em quando, enfim, gosto de muitas coisas, e tento fazer um pouco de tudo que gosto. É por isso que passei a escrever este blog.

O Motion Box já era pra ter aparecido há muito tempo. É que estive muito ocupado com outros projetos e sempre joguei o blog pra último plano, até que na última semana decidi colocar a mão na massa.

Gosto de cinema desde que me lembro de alguma coisa. Lembrode minha mãe me levando para ver um longa da Turma da Mônica quando eu tinha uns 5 ou 6 anos. Também assisti alguns longas dos Trapalhões. Mas a iluminação veio mesmo com “Superman 4”, que fui assistir no cinema com minha irmã. Não que o filme seja maravilhoso (eu não gosto muito dele), mas foi ali, no finado “Cine Ipiranga” (que ficava quase de frente com o Cine Marabá” que pude perceber e aproveitar toda a sensação que a telona proporciona.

Dali pra frente não parei, e até hoje consumo filmes, seja na telona ou na telinha (em forma de DVD ou TV a cabo) como se fossem alimentos indispensáveis.

Mas eu tenho um pequeno defeito: respeito e conheço os clássicos, mas não sou muito fã deles. Talvez porque não me identifique com muitos deles. Gosto de assistir aquilo que fala do meu tempo, da minha vida. Curto muito Tarantino, Spielberg, Snyder, Rob Zombie, Wes Craven, e outros “da minha época”. Sou superfã de terror, embora não feche os olhos para os demais gêneros.

Acho que é isso aí.

Espero que goste do Movie Box.

Qualquer sugestão e comentários, escrevam para mim: amauri.alves@gmail.com

Anúncios