Arquivo da categoria ‘Não categorizado’

Sai 2011, entra 2012. O que fiz neste ano que passou, o que pretendo fazer. E você, assistiu muitos filmes em 2011? O que mais quer ver nas telonas em 2012? Sugestões, reclamações… seja bem-vindo a 2012. A seguir um resumo do que eu assisti (mais ou menos), o que achei interessante e o que não vale à pena.

(mais…)

Os números de 2011

Publicado: 1 de janeiro de 2012 em Não categorizado

Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2011 deste blog.

Aqui está um resumo:

Um bonde de São Francisco leva 60 pessoas. Este blog foi visitado cerca de 3.400 vezes em 2011. Se fosse um bonde, eram precisas 57 viagens para as transportar.

Clique aqui para ver o relatório completo

 

 

Morre, aos 66 anos, o ator norte americano e ex-jogador da NFL Charles”Bubba Smith”. Conhecido por atuar na série de filmes de comédia “Loucademia de Polícia” (Police Academy) como o policial Moses Hightower (o “Jamanta”), jogou na Liga de Futebol Americano dos EUA (NFL) nos anos 60 e 70 antes de entrar para o mundo do cinema.

O negão vai deixar saudade…

É isso aí, cambada. O ano terminou com pouquíssimo material no blog, e começou tão seco como terminou. Não escrevo nada há meses. Confesso que bateu uma preguiça com desânimo e desilusão, e acabei parando de escrever. Mas pretendo voltar esse ano. Estou me motivando aos poucos, minha esposa está grávida, tenho diversos projetos em andamento, e todos parecem estar indo muito bem. O principal deles é o filhote que chega por volta de junho, e este projeto vai de vento-em-popa!

Mas, falando de filme, o fim de ano, pra mim, foi meio mirradinho. Estive viajando de férias e acabei assistindo só dois filmes inéditos em novembro e dezembro.  Assisti Harry Potter e as Relíquias da Morte parte 1 em Santiago – Chile. Quanto ao filme, é o que já conhecemos sempre: Harry tentando sobreviver como um “bruxo normal”, mas sempre às voltas com Voldemort, que quer ver a cabeça do pobre diabo rolar. Assisti na sala Hoyts do Shopping Parque Arauco. Sala pasteurizada, sem nada de novidades.

Também assisti Tron: o Legado. Este, eu vi em um cinema de rua em Buenos Aires, na Argentina. Gostei muito do filme. Ele agrada qualquer um que, como eu, goste desses assuntos nerds de hiperespaço, programação etc. A sala de cinema lembrava muito o cine Ipiranga antes da falência, mais precisamente no fim dos anos 80 e início dos 90, ou seja, sem frescura, somente com o básico para assistir um filme, comer uma pipoca, etc. O que me chateou neste filme foi o uso do 3D: acho que ele não se justificou. O pessoal aqui no trampo gostou. Fazer o quê… (mais…)

Quando a ganância dos políticos inescrupulosos fala mais alto, quem perde é sempre o povo.

Hoje é Blog Action Day, e o tema para este ano é ÁGUA. Pensei então em escrever uma resenha sobre algum filme do meu acervo que tivesse a ver com o tal líquido. Não tenho muitos filmes assim, pois compro somente aqueles que gosto muito, mas encontrei lá no fundo da estante o filme Tubarão (Jaws).

Como sempre, um filme tão antigo e tão contemporâneo. (mais…)

Há exatos 44 anos estreava nas TVs norte americanas Star Trek – Jornada nas Estrelas (em Portugal, Caminho das Estrelas), série criada pelo roteirista e produtor Gene Roddenberry em 1966.

Sendo retirada das telas ao final da terceira temporada por falta de audiência, ninguém imaginaria que a série seria, após todos estes anos, considerada uma das franquias que mais rendeu em todo o mundo, perdendo apenas para a briânica Doctor Who.

(mais…)

Sinopse: Ladrão e sabotador de ideias sonha em reencontrar a família, mas para isso terá que lutar contra o subconsciente (seu e dos outros).

(mais…)